Que métricas de SEO usar em Marketing

Tempo de leitura: 4 minutos

Muitas empresas hoje têm compreendido a importância de realizarestratégias de SEO para procurar posicionar suas marcase imagem atraindo usuários a seus sites e alterar a relação com os clientes e com a forma de mantê-los ativos.

Alguns tentam fazê-lo por sua própria conta, outros compreendendo a complexidade e a importância da ação contratam profissionais especialistas em marketing para que os aconselhem no planejamento, análise e execução de diferentes operações que possam obter o melhor resultado com SEO.

Mas todos, absolutamente todos, a primeira coisa que pensam é como se pode medir o impacto desta estratégia, quando se vêem os resultados, e às vezes a ansiedade pode fazê-los sentir-se defraudados. Por este motivo é que há que ter claro desde o início que métricas deve ser usado durante todo o processo para ir esclarecendo as dúvidas que surgem e, sobretudo, para saber se estão realizando as campanhas adequadas ou se você deve fazer alterações.

O ter métricas claras, também se beneficia da relação do empresário com o SEO já que diminui ansiedades e favorece a comunicação, o fato de que o primeiro seja partícipe e entenda que não deve apenas saber o resultado final, mas o trabalho que se realiza para chegar ao mesmo.

Algumas das métricas mais importantes que têm de ser analisados durante todo o processo são:

  • Indexação em buscadores: Você deve ir avaliando quantas páginas são indexadas pelos motores de busca, onde se procura posicionar-se, e se elas vão em aumento ou diminuição.
  • Palavras-chave com maior tráfego, Assim como foram analisados que palavras-chaves colocar para o início da ação, devem ser medidos quais são aquelas que mais tráfego estão derivando para a página própria, quais são as mais utilizadas pelos usuários.
  • Palavras-chave únicas: Analisar o posicionamento de palavras-chave únicas, que os usuários podem usar para suas pesquisas, mas, além disso, conhecer a concorrência, que também aparece nos resultados de busca com essa palavra.
  • Ranking SEO: Você deve ir fazendo testes e verificando o lugar que ocupa a empresa, dentro de um Ranking SEO, verifique se você vai crescer ou perdendo-se entre as tantas páginas que participam do mesmo, isso permite tomar ações imediatas, de acordo com a projeção.
  • Links Externos: Os links em páginas de terceiros também encaminham o tráfego, mas há que medir constantemente que sejam de qualidade, que tenham relação com a atividade ou marca que deseja se posicionar, para ter certeza que vai atrair futuros clientes que decidem ficar na web e voltar a visitá-la. Se as ligações se dão em páginas que nada têm que ver com a empresa, serão visitas sem valor, que podem prejudicar a imagem.
  • Exposição da marca: você tem que acompanhar a estratégia de SEO com a promoção da marca, de modo que, ao alcançar um usuário da web, a identifique e possa lembrar.
  • Tráfego orgânico: É importante saber qual o número de tráfego que chega à web é orgânico, ou seja, chega de buscas gratuitas.
  • Tempo de Visita: Conhecer o tempo que os usuários passam na página, também ajuda para conhecer o grau de interesse que os conteúdos gerados pelos clientes, além disso, os motores de busca dão prioridade às páginas que mantêm os usuários em sua página, pois sugere qualidade e relevância.
  • Páginas por visita: Além de avaliar a visita, há que analisar também a quantidade de páginas próprias, que são realizadas por cada visita, seja resultantes por motus próprio ou através de links internos que deve ter a página para gerar o tráfego interno.
  • Tráfego da web: Ter informação sobre o tráfego de dados na web ajuda a entender o que conteúdos podem ser adicionados a sua página para adicionar e conseguir mais convocatória.
  • Número de visitas: Obviamente, você deve saber o número de visitas que se tem, e poder analisá-lo em geral e, em particular, dividindo a partir de onde chegam, qualidade de usuários, se há contato posterior com eles.
  • Usuários recorrentes: saber quantos e quais são os que voltam regularmente a visitar o site, isso permitirá, por exemplo, realizar uma campanha de assinantes com os eleitos para fidelizá-los ainda mais.

Para começar, estas métricas ajudam a avaliar como está a decorrer a campanha de SEO, se você realmente se vai no caminho para alcançar os objectivos propostos para se posicionar na rede, para ser um dos principais resultados da busca por palavras ou frases-chave nos buscadores mais importantes e utilizados a nível mundial, como o Google.

Medir periodicamente oferece confiança, permite conhecer os usuários, modificar ou gerar novos conteúdos que se ajustar ao que os clientes procuram e alcançar a qualidade desejada por todos, com relevância para a informação e produtos mais competitivos.

As métricas não devem ser padrões, há que ir medindo tudo o que se possa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *